Notícias do IPMet

Pesquisar notícias:







Chuvas abaixo da média no mês de dezembro na cidade de Bauru
03/01/2022

O mês de dezembro/2021 foi quente, mas não foi muito chuvoso na cidade de Bauru e em algumas outras cidades do interior do estado de São Paulo, com exceção do litoral. Registrando o acumulado mensal de 215,4 mm, Bauru teve apenas 95% da média das chuvas esperadas para o mês (226 mm). Resultado este bem diferente ao de dezembro do ano passado (2020), que foi extremamente chuvoso acumulando 467,1 mm mensal e ultrapassando em 107 % a média do mês, além de ser considerado o dezembro mais chuvoso desde 1981 pelos registros de dados das estações do IPMET.

Durante o mês de dezembro/2021 as chuvas foram bastante irregulares e se concentraram no meio e final do mês, conforme visto na figura acima. Os maiores volumes de chuvas registrados na estação do IPMET foram: 63,8 mm (dia 14/12), 41,9 mm (dia 28/12), 38,4 mm (dia 30/12), 26,7 mm (dia 16/12) e 21,6 mm (dia 15/12). As chuvas foram provenientes pelas passagens de frentes frias pelo estado e pela formação de chuvas convectivas, causadas pelo forte calor e alta umidade atmosférica.

As tardes foram quentes em dezembro, com recorde da temperatura máxima diária de 35,7°C no dia 22/12, um dia após o início da estação do verão que começou no Brasil no dia 21/12, às12h59mim, e que caracteriza-se na Região Sudeste, por apresentar elevadas temperaturas e alta umidade do ar que favorecem, a partir da tarde, a ocorrência de pancadas de chuva de forte intensidade, com curta duração e acompanhadas por trovoadas, rajadas de ventos e ocasionalmente granizo. Essas chuvas comumente causam alagamentos e inundações na cidade.

Elaboração:

 

Met. Zildene P. O. Emídio