Notícias do IPMet

Pesquisar notícias:







MÊS DE AGOSTO SECO E QUENTE NA CIDADE DE BAURU MAIOR TEMPERATURA DO ANO
01/09/2021

Basicamente o mês de agosto de 2021 foi seco na maioria dos seus dias em grande parte do estado de São Paulo, devido ao predomínio de uma massa de ar seco e quente, que bloqueou a entrada de frente fria no estado na maior parte do mês.

 

As chuvas ficaram abaixo da média em vários municípios paulistas, contribuindo para o aumento do déficit hídrico no estado e em Bauru, houve apenas um dia (28/08), com registro de chuva, em consequência da passagem de uma frente fria pelo estado no final do mês.

 

Agosto foi o oitavo mês consecutivo do ano com chuvas abaixo da média climatológica no município. O acumulado mensal de 15,0 mm foi insuficiente para ultrapassar a média (35 mm), sendo equivalente somente a 43% do total de precipitação esperado para o mês. Com pouca chuva, o índice de umidade do ar ficou bastante baixo em vários dias do mês, chegando a estado de alerta, com índices de 20% a 12%.

 

O mês também registrou altas temperaturas, que foram atípicas à estação do inverno, e terminou com o recorde da maior temperatura do ano até agora, 35,3°C, conforme os dados da estação meteorológica do IPMET. Na verdade, quase toda a segunda quinzena do mês apresentou temperaturas máximas diárias acima de 30°C no período de 15 a 26 de agosto, caracterizando uma significativa onda de calor durante mês.

 

A menor temperatura (8,5°C) ocorreu na primeira semana de agosto, gerada pelo resquício da intensa massa de ar frio polar que atingiu o estado no final do mês de julho e que foi considerada como a mais forte do ano, pois ocasionou temperaturas negativas e geadas em vários municípios paulistas.

 

Elaboração:
Met. Zildene P. O. Emídio
Para mais detalhes acesse: Produtos -> Balanços Mensais